Opiniões dos usuários

É possível encontrar, pela Internet, algumas das críticas mais habituais dos clientes à WhiteJets. É difícil determinar o grau de satisfação geral dos clientes a partir de reclamações isoladas, pois a amostragem é insuficiente, mas os motivos de queixa mais frequentes podem ajudar a compreender por que motivos a empresa acabou encerrando.

Frota antiga

As principais reclamações eimages (2)ncontradas estão ligadas ao fato de os aviões serem muito antigos; como se vê noutro ponto deste site, os modelos Airbus A310 vinham das décadas de 80 e 90. Um cliente referia que a equipe de bordo perguntava aos passageiros se preferiam que o ar condicionado estivesse “muito quente ou muito frio”, pois o sistema já não funcionaria de outro modo. O fato de os assentos serem pequenos e apertados também é referido mais que uma vez, e um cliente dizia também que alguns assentos já não podiam reclinar. Não só não tinha entretenimento individual, como até a televisão geral, para todos os passageiros, estava sem funcionar.

Atrasos

Claro que basta um só atraso para surgir um cliente reclamando. Contudo, o fato de um cliente ter esperado por 4 horas, além da hora, sem ter sido informado de novo horário de partida nem da razão do atraso, não é favorável para quem estiver avaliando a capacidade de organização e de resposta em momento de crise da empresa.

Pequena dimensão

O fato de ser uma companhia pequena era uma desvantagem para alguns passageiros, embora seja possível pensar que um passageiro que escolhe uma companhia de voos fretados não deve esperar que a equipe de solo tenha o mesmo tamanho que a de uma companhia “normal”, de voos regulares. O limite de peso da bagagem (que a própria Ryanair, na Europa, sempre fala a seus clientes, cobrando peso em excesso) e a não possibilidade de acumular milhas, para passageiros frequentes, também são críticas habituais.

Add Comment